O blog Poucas e Boas da Mari (PBM) foi criado no dia 28 de outubro de 2005, por meio de sugestão do preparador de atores Márcio Mehiel. A origem do nome “Poucas e Boas da Mari”, dica do meu pai, foi homenagem ao meu tio Alfredo Valadares (in memoriam), que possuía uma coluna no jornal Tribuna, na cidade de Sete Lagoas (MG), chamada “Poucas e Ruins”, onde ele criticava a política local e nacional. O blog tem como proposta transformar bate-papos com artistas em palavras escritas. Além da divulgação de entrevistas, há cobertura de eventos, notícias e agenda cultural.

VOLTA AO PASSADO
(Logos e layouts antigos)

 

 

O QUE DIZEM SOBRE O POUCAS E BOAS DA MARI

Parabéns, Mari!! Que continue sendo esse sucesso todo que sempre foi o blog!”
Luciana Mello, cantora

“Adorei sua entrevista, suas perguntas foram ótimas! Quem dera todos os jornalistas que vem nos entrevistar fizessem perguntas boas assim. Parabéns!Tudo de bom para você! Um beijo”
Vanessa Lóes, atriz

“Parabéns pelo blog, é um prazer estar aqui no “Poucas e Boas da Mari”
Ná Ozzetti, cantora

“Ótima entrevista. Tuna é uma virtuose no palco e na tela, uma biógrafa sensível e inteligente. Uma atriz-intelectual de primeira grandeza.”
Milton Hatoum, escritor brasileiro

“ENTRO AQUI DIRETO E FICO SUPER ORGULHOSA DO TRABALHO EXCELENTE QUE VOCÊ FEZ COMIGO!!!!….FORA QUE EU ME DIVIRTO MUUUUITO LEMBRANDO DAS NOSSAS RISADAS!!!!!!! rs
ADOREI VC MULHER!!!!!!!! TALENTOSA, DIVERTIDA E CAPRICHOSA!”
Daniella Giusti, Calabresa, atriz

“É a primeira vez que dou uma entrevista e sai, não só tudo que falei, como do jeito que falei.
Excelente trabalho da Mari que torço para que cresça e possa mostrar a mais pessoas a sua competência.”
Márcio Ribeiro, ator

“Pouca e Boas é uma máxima ótima, porque prefiro fazer poucas peças e boas ou poucos trabalhos e bons a me desperdiçar fazendo um monte de coisa para dizer que estou fazendo.”
Tuna Dwek, atriz

“Utilizem a net para expandir seus conhecimentos. Essa ferramenta é nova e isso pode ter uma força extremamente transformadora na nossa idéia de mundo. “
Moska, cantor

“Mari! Adorei o site! Parabéns pela sua determinação e pelo seu trabalho!Apenas um ano e você já realizou tudo isso!!! Fico feliz e torcendo por muito mais!”
Márcio Mehiel, preparador de atores

“Parabéns pelo site, uma evolução do seu trabalho que vai caminhar a passos largos e chegar muito longe, com certeza!!!”
Fernanda Furquim, jornalista e atriz

“Salve a Mari e seu blog Chic!”
Fábio Rabin, ator

“Pelo pouco que conheço do teu trabalho, eu acho que o blog tem tudo pra ser uma coisa legal, tem tudo pra ser um meio de comunicação interessante para as pessoas.”
Sérgio Guilherme Filho, ex-vocalista do grupo Gram

“Parabéns, você é muito boa no que faz. Sucesso sempre, você merece.”
Paffaro, caricaturista

“Foi muito bom ter respondido a tudo. E que bom que existem esses canais pra gente falar o que tem vontade.”
Blota Filho, ator

“Obrigado mais uma vez pela entrevista, Mari, você é muito simpática! E obrigado pelos elogios.”
Juliano Righetto, ator

“Show! Entrevista maravilhosa, Fer mandando bem, como sempre! Parabéns!”
Chris Amoretti, cantora gaúcha, sobre a entrevista com a jornalista Fernanda Furquim

“Parabéns pelo Blog, Mariana!Vou virar freguês!
Um abraço”
Morandini, artista gráfico, designer e ilustrador

“Mari,
De repente esse aniversário vestindo uma edição impressa, por que não? Já pensaste tua produção embalada em papel cuchê? Afinal, tuas poucas e boas adquiriram o direito de parafrasear Kasimir Malevich: “desfiz a fronteira azul dos limites da criatividade”.Parabéns e sempre em frente, que atrás de tuas efervescentes co(i)nspirações tem gente. Avante. Sempre. Parabéns”
Dr. Milton Triano, delegado de Araras – SP

“Oi Mari!
Adorei a entrevista, ótimas perguntas!”
Rachel Ripani, atriz

“Fiquei muito impressionada com o seu conhecimento de causa sobre o meu trabalho. Sua pesquisa foi bem profunda. Você abordou temas que sempre quis que me perguntassem em entrevistas, mas ninguém nunca sacou. O jabá, por exemplo, as questões mais ligadas aos problemas da classe, essas coisas que me movem muito, mas que pouca gente sabe. Você foi fundo e eu fiquei bem feliz!”
Marianna Leporace, cantora

Mari!
Adorei as perguntas! Muito bem elaboradas! Parabéns!

Pa Moreno, cantora